Terceiro dia do Encontro Nacional dos Jovens Orionitas em Niterói

Terceiro dia do Encontro Nacional dos Jovens Orionitas em Niterói

No dia 27 de julho, terceiro dia do ENAJO na Paróquia São Francisco Xavier em Niterói, os mais de 400 jovens que ali estavam reunidos, meditaram à respeito da segunda chama da caridade orionita, 0 amor aos pobres.

O dia começou com o “papo cabeça” conduzido pelo jovem protagonista Rafael Costa que enfatizou ser impossível separar na espiritualidade orionita o amor a Deus e o amor aos pobres, por isso que se trata de “duas chamas, um único amor” (tema escolhido para a reflexão desse encontro).

Neste sentido, as atividades realizadas pelos jovens ao longo de todo o dia tiveram como principal objetivo fazer a caridade se tornar uma realidade concreta. Se no segundo dia do encontro, quando se meditou a primeira chama, o amor  a Deus, a juventude se ajoelhou aos pés de Jesus Sacramentado para adorá-lo, no terceiro dia os jovens foram se encontrar com Jesus em cada irmão, visitando asilos, as pastorais sociais, grupo de vicentinos e até mesmo recolhendo o lixo na praia de São Francisco, uma vez que cuidar da nossa “casa comum” é também um ato de caridade aos nossos irmãos.

Na Santa missa presidida pelo bispo auxiliar de Niterói, Dom Luiz Ricci, celebrando a memória de Santa Maria no sábado, recordaram das santas mulheres que marcaram a história da Igreja e rezaram por todas as mulheres vítimas do desprezo da sociedade.

Ao final do dia, no outeiro da Igrejinha  histórica de São Francisco Xavier, encerraram-se as atividades com o luau da juventude.

Juventude Orionita, coração sem fronteiras.

 

Sem comentários

Gostou do artigo? Faça um comentário!

Share This