Supresas e emoções em Pontecurone

Supresas e emoções em Pontecurone

ONTEM À NOITE OS CORAÇÕES DOS PONTECURONENSES COMEÇARÃO A BATER NO RITMO DE DOM ORIONE           

Chegada dos latino-americanos na terra Natal de São Luís Orione é marcada por muitas emoções e hospitalidade

PONTECURONE – Ontem à noite bastavam apenas poucas palavras do prefeito Ernesto Nobile, concluídas com aquelas duas mais esperadas “BEM VINDOS”, para fazer soltar as inimagináveis emoções de amizade e de familiaridade em Dom Orione, às quais toda a cidade de Pontecurone se preparou há alguns meses para receber os 200 jovens latino-americanos vindos principalmente da Argentina, Brasil, Venezuela e EUA. Ontem, às 21h00 os jovens chegaram, depois de um longo percurso de 20 dias de peregrinação, primeiro à JMJ em Madri e depois 4 dias de visita nas comunidades orionitas em Roma, incluindo a importante visita ao Vaticano. Mas antes de chegarem em Pontecurone puderam visitar, graças à generosidade do vigário geral da diocese e o pároco Pe. Stefano Puri, a esplendida catedral de Orvieto, com o milagre eucarístico, explicado aos jovens pelos animadores. Entre as emoções e as lágrimas dos jovens, finalmente chegaramos em Pontecurone. O momento mais esperado em toda a viagem, porque aqui os sentimentos dos jovens coincidem com os da população de Pontecurone no único coração de Dom Orione.

Na chegada, os jovens expressaram grande simpatia para com o prefeito, cantando os parabéns em ocasião do seu aniversário. Logo após foram acompanhados para as tendas e deixaram as suas bagagens. Um breve lanche, mas com sabor caseiro e os peregrinos puderam receber o passe para movimentar-se na área do campo. Alguns avisos práticos e depois um merecido repouso para iniciar um novo dia.

 

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Share This