Padre Zenildo Rosa é o novo pároco de Buritis-RO

Padre Zenildo Rosa é o novo pároco de Buritis-RO

No dia 23 de março, ás 19h30min, o arcebispo metropolitano de Porto Velho – RO, Dom Esmeraldo Barreto de Farias, conferiu a posse ao Padre Zenildo Rosa na Paróquia Santa Marta de Buritis – RO, região amazônica. A igreja estava lotada de fiéis que vieram da cidade e do  interior das mais de 95 comunidades para celebrar a posse, prestigiar e acolher o novo pároco. A celebração foi co-celebrada pelo Padre Otávio Marques Ferreira – sucedido pelo então novo pároco Zenildo Rosa, Padre José Sebastião Barros da Silveira e Padre José Anísio Ferreira vigários paroquiais. Estavam presentes também as Irmãs Orionitas, Irisneide, Anunciata e Joceli. Também o seminarista Pedro Raimundo e os três seminaristas aspirantes, Amilton, Lucas e Wagner do Centro Vocacional Dom Orione de Buritis. 
Na celebração o arcebispo fez um agradecimento ao Padre Otávio pelo empenho nos serviços prestados junto ao povo da paróquia Santa Marta durante seus nove anos enfrentando desafios da ainda nova paróquia que foi elavada a paróquia em 2004 com a posse do mesmo.   
O bispo com seu jeito humilde de pastor fez uma homilia motivadora e reflexiva. Refletiu o evangelho do dia falando da união que devemos construir entre as pessoas, entre as familias, entre as pastorais. Devemos seguir o verdadeiro e único pastor que veio para unir e não separar. Ele deu a vida por suas ovelhas. Com sua morte ele selou a unidade universal como que o sumo sacerdote já prevesse isso ao dizer: “Vós não enten­deis nada. Não percebeis que é melhor um só morrer pelo povo do que perecer a nação inteira?”. Assim utilizando sabiamente da liturgia do dia contextualizou com a posse do Padre Zenildo Rosa. Após lida a provisão de posse, o bispo entregou ao novo pároco a palavra de Deus, lembrando que ele é o primeiro a vivenciar para transmitir a palavra de Deus; o plano pastoral da arquidiciocese, lembrando ser seu livro de mesa de trabalho para dirigir os serviços paroquiais; as Conclusões do Encontro em Santarém 2012 – Igreja na Amazonia – Memória e Compromisso, lembrando ao novo pároco que estamos em terras amazônicas e o folder das capelinhas de oração pelas vocações religiosas e diocesanas na igreja. Por fim, num gesto de acolhida e oração convidou os jovens para aproximarem do novo pároco ainda de joelhos para receber a oração do pastor e de todo povo de Deus. Depois num gesto de ajuda mútua o ex-pároco o ajudou a levantar e assim recebeu os cumprimentos dos padres, jovens e religiosas. Ao final da celebração houve uma partilha oferecida pelos paroquianos. 

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Share This