Nossa Senhora Achiropita é a alma italiana de São Paulo

Nossa Senhora Achiropita é a alma italiana de São Paulo

 Nossa Senhora Achiropita é a alma italiana de São Paulo

SÃO PAULO. Todos sabemos da grande diversidade de etnias que compõem o povo paulista. São Paulo é, vale citar, a maior cidade japonesa fora do Japão e também a maior cidade italiana fora da Itália (na verdade, só Roma tem mais italianos do que São Paulo), pois são mais de 2 milhões. E quando se fala em italianos de São Paulo, não há dúvidas, logo se vem à mente a Festa de Nossa Senhora Achiropita, que este ano está em sua 86º edição, e que acontece nas ruas do Bixiga, no centro da cidade. A igreja de Nossa Senhora Achiropita foi fundada por São Luís Orione em pessoa, que solicitou ao bispo a abertura da paróquia sob a promessa de enviar padres calabreses para os imigrantes que aqui já residiam. E assim começa a historia desta paróquia que se confunde com a própria história da congregação no Brasil. Por aqui se costuma dizer que “um santo pisou nosso chão”. E a honra é toda de Maria, a Mãe do Cristo, a quem Dom Orione tinha uma verdadeira devoção. E neste domingo, dia 19 de agosto, festa da assunção de Nossa Senhora, a comunidade fez, mais uma vez, festa da Mãe. Uma procissão atraiu uma multidão, todos acompanhando de perto, com fé e alegria, a imagem de N. Sra. Achiropita que os imigrantes trouxeram junto no navio. E a festa ainda continua, vai até o primeiro fim de semana de setembro, sempre com muita comida típica (fogazzas, fricazzas, pizza, spaghetti, sfogliatelli, etc) e, é claro, religiosidade.

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Share This