Jovens orionitas já estão em Pontecurone

Jovens orionitas já estão em Pontecurone

Emoções e surpresas reservadas por Dom Orione aos jovens do seu coração

 

Cidade natal de Dom Orione está em festa para receber os jovens

 

PONTECURONE – Os jovens hospedados em Pontecurone, terra natal de São Luís Orione, continuam a sua peregrinação. Principalmente parece uma coisa muito normal e tranqüila, porque, graças a Deus, tudo está transcorrendo bem. Mal começamos o dia de ontem e surgiram belas surpresas. A primeira foi os jovens da Ação Católica, os quais quiseram acompanhar os demais jovens da mesma faixa etária na cidade natal de Dom Orione, deixando aos adultos a função de tradutores.   E aqui começaram a nascer nossas amizades. Praticamente toda parte da manhã transcorreu-se no itinerário orionita. Os jovens foram divididos em 10 grupos, cada um com dois jovens responsáveis pelo grupo. Percorrendo os “lugares sagrados” da Congregação, visitaram a casa natal de Dom Orione, a Paróquia de Santa Maria Assunta, o Oratório de São Francisco, a janela da rosa que não murchou, a janela do “barbarossa”, a Igreja de São João Batista, a praça dos mártires da liberdade e o pensionato São Luís Orione. A tarde fomos visitar a capelinha das flores de Dom Orione, onde o pequeno Luís levava flores e rezava à Nossa Senhora em meio aos campos.  Aqui o Senhor preparou para os jovens uma bela surpresa. Somente nesta ocasião se descobriu o quadro de Nossa Senhora na capelinha. É uma figura original de 1800, trazida por um italiano imigrante na Argentina a procura de trabalho, o qual retornando para a Itália trouxe consigo esta imagem de Nossa Senhora, colocando-a na capelinha. Que admirável coincidência que sucessivamente fez uma ligação de Dom Orione com a Argentina e quanta emoção para os jovens foi a celebração eucarística no pensionato  de Dom Orione, onde Pe. Pedro explicou o sentido da Obra orionita hoje na Itália.

 

E o momento talvez mais esperado dos jovens ontem fosse a festa cultural à noite. Uma troca cultural entre os jovens, por compartilhar a música, os cantos e as danças para agradecer aos pontecuronenses e para compartilhar do profundo do coração aquilo que é o mais íntimo e o mais belo das próprias tradições culturais. A festa, aberta pelo prefeito de Pontecurone, Sr. Ernesto Nobile, junto com o superior geral Don Flavio Peloso e a superiora geral Ir. Maria Mabel Spagnuolo. Além de gozarem juntos os belos momentos, os jovens agradeceram as associações que contribuíram para o bom êxito da pelegrinação.

Fonte: www.donorione.org

Tradução: Cl. Geovane dos Santos Pereira

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Share This