Irmãs orionitas refletem sobre economia e adiministração

Irmãs orionitas refletem sobre economia e adiministração

 Irmãs orionitas refletem sobre economia e adiministração


ROMA. Dia 12 de março Segunda-feira, após o descanso dominical as Conselhas Provinciais retomaram suas atividades refletindo sobre a economia e administração. Na parte da manhã as participantes ouviram atentamente o relatório do Sr. Alessandra Smerilli (FMA), um professor de economia na Universidade Católica e da Faculdade Auxilium Pontifício sobre o tema: “A dimensão econômica da vida religiosa.”
Em sua exposição sr Alessandra Smerilli nos ajudou a entender melhor a cultura dominante hoje. Nos ajudou a entender  visão da gratuidade, que não é simpliemente fazer grátis, dom e não filantropia.
A seguir, falou sobre a relação entre carisma e instituição: “Os carismas ver mais longe, em especial, ver as coisas diferentes que os outros(seguidores, amigos, instituições …) não vêem. O carisma é, de fato, o dom de novos olhos que podem ver oportunidades onde os outros vêem as coisas só problemas. ” A relatora salientou ainda que, quando o  carisma inrrompe na história, grande ou pequeno, começa um processo de mudança,
atingindo todas as dimensões  humanas.

E de fato, os carismas foram e ainda são lugar de grandes “inovações” humanas. A história da humanidade, assim como a sua coesão económica e social, é também o resultado do carisma. Sem carisma não existe progresso civil e humano. São eles que inovam e não as instituições. As experiências que surgem a partir do carisma e da gratuidade atribue um papel importante a beleza: Interesa também o belo nao só o bom. Em tal esperiencia nao se contenta em fazer coisas boas, é necessário também “bonito”. 

Continuando, a irmã Alessandra Smerilli desenvolveu o tema da gestão das obras de forma eficiente e eficaz e em colaboração com os leigos formados ao carisma, mas com atenção para alguns erros. Ë necessário gestir as obras goje de acordo com as normas vigentes, mas de modo algum negligenciar nosso específico, que é expressão única do carisma e que dar razão ás obras. Dando sequencia foi dedicado tempo para perguntas relacionadas ao tema.


Na parte da tarde, a Irmã M. Naomi Guzzi Economa Geral apresentou para as irmãs o material de referência para os próximos dois dias e deu voz ao ecônomo provincial dos FDP, juntos refletimos sobre as convergências, como desafios para o futuro. Última edição em que refletimos juntos foi o da Convenção entre a PODP e desejo de colaborar com as PIMC sempre melhor como filhos do mesmo pai, também foi lida a mensagem de Dom Flavio, Superior Geral dos Filhos da Divina Providência que garante a oração e a solidariedade fraterna dos Filhos da Divina Providência neste momento.

  

Sem comentários

Seja o primeiro a comentar este post!

Share This