Encontro do superior geral com os diretores da província norte

Encontro do superior geral com os diretores da província norte

 Encontro do superior geral com o conselho provincial norte e os diretores das comunidades

Brasília. As visitas canônicas foram para o superior geral uma ocasião de realizar alguns encontros. No último dia 10 Don Flavio, juntamente com os dois conselheiros gerais, Don Fulvio e Don Silvestro, se encontrou com o conselho provincial da província Nossa Senhora de Fátima (Brasil Norte), e trataram dos temas úteis para o bom funcionamento do conselho e da província.  Na parte da tarde do último dia 11, aconteceu a celebração de abertura da visita canônica na comunidade da casa provincial. Na manhã do dia 12, o superior geral e os conselheiros se encontraram com os diretores das comunidades religiosas da província. Don Flavio apresentou alguns pontos do XIII Capítulo Geral, ilustrando, sobretudo, as motivações. São 7 opções que o conselho geral retoma com as comunidades religiosas durante as visitas canônicas, como meta para estes seis anos: projeto pessoal, projeto comunitário, conselho de obra, gestão apostólica das obras, espaço jovem, espaço pobre, movimento laical orionita.  O encontro concluiu-se com uma visita à nova missão orionita aberta a 7 anos atrás no bairro Itapuã, periferia da cidade de Brasília e que tem aproximadamente 100 mil habitantes. Os três religiosos que desenvolvem a atividade pastoral nesta comunidade, Pe. José Martins dos Reis, Pe. Antônio Dalmasso e Pe. Pedro Custódio Filho, fazem parte da comunidade da casa provincial e no Itapuã levam adiante a paróquia dedicada a São Luís Orione em um ambiente típico orionita. Nestes poucos anos os confrades começaram a construir a Igreja paroquial e 5 capelas, todas situadas na região mais pobre da capital federal. O ponto culminante do encontro foi a Eucaristia presidida pelo superior geral e concelebrada pelos diretores das comunidades orionitas. Foi a primeira visita do superior geral nesta casa. Na homilia, Don Flavio ressaltou que a presença dos religiosos de Don Orione com o carisma da caridade é um dom e ao mesmo tempo um sinal de solidariedade para com esta paróquia.  E a abertura do território à atividade paroquial é uma abertura à graça de Deus que florirá na fraternidade, solidariedade e justiça que num futuro próximo transformarão este território em um novo e belo lugar da capital. Don Flavio agradeceu aos religiosos pelo entusiasmo e o empenho para com esta nova missão.

                                                                          

 

 

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

Share This