Cinco postulantes iniciam o noviciado na Itália

Cinco postulantes iniciam o noviciado na Itália

Cinco postulantes iniciam o noviciado na Itália

  

Jovens provenientes da Itália, Romênia e Venezuela vão fazer a experiência da vida orionita por um ano

TORTONA. Com uma celebração na capela do Paterno (a “casa mãe” da Congregação orionita) deu-se início ao período de noviciado de 7 jovens postulantes: Andrej Lorent, Catalin Joan Gaspal, Gabriel Ciubotarul, Eusebiu Blaj, Fabian Pitreti (romenos), Roberto Luciano (italiano) e Rafael José Duno (venezuelano).

A cerimônia foi presidida pelo superior geral, Dom Flávio Peloso, na presença do superior provincial padre Pierangelo Ondei, dos formadores e de outros confrades.

Inspirado pela leitura bíblica que fala dos “rebentos do tronco de Jessé”, Dom Flávio ilustrou a inserção dos noviços no “tronco” da congregação e pediu para que eles estejam firmes e bem alicerçados no carisma orionino, buscando sempre a verdade e a fé que provém de Jesus Cristo.

O rito de ingresso ao noviciado é composto de um breve diálogo no qual os noviços manifestam sua vontade de fazer a experiência da vida comunitária em meio aos confrades e segundo seu exemplo a seguir Cristo crucificado em uma vida pobre, obediente e casta.

Em resposta a este pedido o superior geral lhes entregou como guia as constituições da congregação dos Filhos da Divina Providência e os confiou aos cuidados do mestre de noviços padre Leornardo Verrili.

Ressoaram as palavras de Dom Orione: “entre no noviciado com um grande coração, o Senhor ama quem se doa com alegria e Ele quer tudo e não só uma parte”.

 

D.F.P. (tradução de Clayton Munhoz)

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

Share This