Portal da Família ORIONITA NO BRASIL
isntitucional
Portal da Família ORIONITA NO BRASIL

ELAJO 2017 - COTIA SP 30/07/2017

ELAJO 2017

Encontro Latino Americano dos Jovens Orionitas

JUVENTUDE ORIONITA: APAIXONADOS POR MARIA

Acontecem coisas em nossa vida que certamente levaremos para o céu; são eventos, fatos, encontros e surpresas. Por certo, levaremos para o céu as lembranças destes dias encantadores deste grande encontro de jovens. Cantos, abraços, sorrisos como expressões de tantas atividades foram as marcas destes poucos e inesquecíveis dias do ELAJO 2017. Por certo, ainda ressoam nas mentes dos jovens os grandes brados de “Ave Maria e Avante” ou “Ave Maria e Adelante” que se repetiam como um grito de batalha, a batalha da juventude orionita; nos campos da caridade, da fraternidade e da alegria.

Entendemos porque levarão estas lembranças para o céu; nunca se apagarão de nossas memórias. Acontecimentos maravilhosos assim se eternizam em nossas recordações. Levaremos para o céu, pois o céu este muito dentro de cada jovem que compôs a grandiosidade do “mundo juvenil orionita”

Um encontro preparado por meses, pacientemente como o pescador tece sua rede de pescar. E passou bem depressa e deixou saudades. O ELAJO 2017 aconteceu de 20 a 23 de julho no Pequeno Cotolengo Paulista, em Cotia – SP – Brasil, o Encontro Latino Americano dos Jovens Orionitas, que reuniu uma multidão de jovens das comunidades orionitas da Argentina, Brasil, Chile e Paraguai.

O Encontro foi organizado pelos conselheiros responsáveis do Movimento Juvenil Orionita das províncias, Pe. Antônio S. Bogaz, Pe. Jorge Rocha e Irmã Rufina, acompanhados pelos nossos superiores orionitas provinciais, Pe. Rodinei, Província Brasil-Sul, Irmã Priscila, Província Brasil-Irmãs e Pe. Josumar, Província Brasil-Norte.

Pe. Bogaz organizou, com os coordenadores do MJO das províncias, com o André Vaz (o Mosquito) da Província Sul e Mariângela, da Província Norte toda a programação e projeto do 2º ELAJO (o primeiro foi em Porto Alegre em 1999). Destacamos a dedicação do Seminarista Carlos Alexandre cuidando da organização das equipes. Os coordenadores de cada atuaram como verdadeiros “maestros de orquestras” e assim a hospedagem foi maravilhosa, as refeições bem organizadas, a secretaria muito eficiente, as oficinas de trabalho bem preparadas e as liturgias profundamente dinâmicas. Impossível não destacar a participação das irmãs orionitas que, com tanto sorriso e dedicação, espalharam generosidade e dedicação. Foram dias intensos de oração, animação, atividades lúdicas, pinturas e muita confraternização.

Pe. Claudinei, diretor do Cotolengo, e Pe. Pedro Bortolini, da Paróquia, motivaram e fortaleceram as atividades das equipes. De fato, as equipes, empenhadas e bem orquestradas, foram motivadas a cada dia pelo Pe. Claudinei, sempre presente, sobretudo nas atividades cotidianas daqueles dias memoráveis.

 

Bradando sem cessar e alegremente o tema deste ELAJO  2017 “ Juventude Orionita: Apaixonados por Maria”, os jovens participaram das atividades, demonstrando as devoções por Maria. Assim como Dom Orione que era devoto de Maria e com muita fé, evangelizava através de palavras, gestos e missões, os jovens rezaram o Rosário pelos campos, participaram da Procissão luminosa de adoração e da ceia eucarística.

Eram 670 jovens vindos em caravana e mais de 200 pessoas envolvidas e trabalhando. Podemos imaginar tantas refeições, sempre apetitosas e famílias acolhendo os jovens em suas famílias. Milagres divinos por nossas mãos fervorosas.

Em cada caravana que chegavam, os jovens eram acolhidos carinhosamente pela comunidade local. Vieram mais de 100 jovens da Argentina, Chile e Paraguai e de todo Brasil, com distância com mais de 4000 quilômetros. O coração encurta distâncias e aproxima os ideais. O espetáculo iniciou com a abertura e foi uma representação fantástica do Logo do MJO e do ELAJO. Beleza e solenidade.

Seguiu-se assim. A sexta mariana, com oficinas circulares e o rosário com as encenações, o sábado orionita com aprofundamento dos textos de São Luís Orione, nas oficinas com mais de 60 jovens por grupo e o sábado vesperal com a Adoração pelos caminhos do Cotolengo, com oração, louvor e testemunhos.

Memoráveis foram as apresentações das caravanas, na manhã de sexta, com seus banners expondo suas comunidades e suas realidades; a animação nas dinâmicas sobre Maria e os temas prioritários de Dom Orione (Igreja, pobres, trabalhadores, igreja, crianças, idosos, fé, Providência), nas oficinas e momentos matinais de oração. Percebeu-se que o momento mais empolgante do encontro foi a pintura dos grandes murais, com os temas das reflexões: Maria, Jovens, integração dos países entre outros.

Emocionante foi ver a multidão juvenil participando das refeições, sempre pontuais; a despedida à noite para as famílias nas comunidades; a intercessão ininterrupta e os momentos de silencia e prece.

O Superior Geral Pe. Tarcísio G. Vieira, a Madre Mabel e o Pe. Fernando Fornerod, responsável pela juventude orionita geral enviaram aos jovens do ELAJO   vídeos mensagens, saudando a todos pela participação. Foi bom sentir que estavam unidos conosco no espírito e no ideal.

Pe. Rodnei e Pe. Josumar, que acompanharam as reuniões e motivaram as equipes de trabalho nos momentos mais árduos, não se esqueceram de destacar a comemoração dos 125 anos do Oratório “San Luigi”.

Nas homilias, recordaram nossa missão com a juventude, uma vez que São Luis Orione era jovem, quando tinha 20 anos e começou o oratório. Os jovens foram convocados para viver as mensagens marianas e orioninas nas suas comunidades de origem, sendo assim divulgadores de nosso carisma em suas terras.

Animação, alegria e silêncio marcaram o encontro e todos os jovens foram convocados a serem apóstolos da caridade e evangelizadores de outros jovens, distantes de Deus e da Igreja.

Juventude Orionita: apaixonados por Maria mergulharam na graça de Deus e partiram para seus lares com o ardente desejo de seguir nos caminhos de Luís Orione, nosso pai espiritual, sob o manto de Maria, nossa mãe de Ternura, para restaurar a juventude em Cristo. Momentos tão elevados que “parecia que o céu desceu... ou a terra subiu; afinal Deus estava em todos os lugares”.

 

Pe. Antônio S. Bogaz – Pe. Jorge Rocha – Irmã Rufina

(Conselheiros responsáveis pela Juventude Orionita)

 

 

Acesse a Galeria de Imagens :

 


"Fazer o bem sempre,

o bem a todos e o

mal nunca e a ninguém"

São Luís Orione

Mais do Orionitas no Brasil

 

Orionita Brasil nas Redes Sociais
 
 .     

Copyright © Orionitas Brasil na Web