Portal da Família ORIONITA NO BRASIL
isntitucional
Portal da Família ORIONITA NO BRASIL

Instituto Secular Orionita

 
Página Oficial   A vida consagrada secular   Entre em contato 

 

O Instituto Secular Orionita é o ramo secular da família religiosa fundada por São Luís Orione. Aqueles que pertencem a este instituto decidem viver o carisma da caridade em amor à Igreja em sua própria vida, santificando-se a partir de suas próprias famílias, abraçando à vida religiosa no escondimento. 
 

Leigas consagradas orionitas

O Instituto Secular Orionita Feminino é formado por mulheres que se consagraram a Deus permanecendo no mundo para santificá-lo a partir de dentro, segundo as leis das Igrejas e nas pegadas caritativas de São Luís Orione. O fim primário e geral do Instituto é a santificação dos membros mediante a observância dos conselhos evangélicos, tendo em vista a perfeição da caridade e mantendo a fisionomia e os compromissos dos leigos e de seculares.Seu fim particular é servir a Deus, a Igreja e as almas segundo o carisma de Dom Orione: “colaborar como humildes filhos da Divina Providência para levar os pequenos, os pobres, o povo à Igreja e ao Papa, para “Instaurare Omnia in Christo”, mediante o exercício da caridade.
 
O Instituto Secular Orionita feminino se reconhece unido, por origem e carisma, à Pequena Obra da Divina Providência. Na autonomia da própria identidade, vive o mesmo carisma em comunhão com todos os componentes:os Filhos da Divina Providência (sacerdotes, irmãos e eremitas), as Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade (de vida ativa e contemplativa,s acramentinas cegas adoradoras) e as associações laicais.
 
O Instituto secular Orionita é consagrado ao nosso Deus e Redentor Jesus Cristo, e está colocado sob a proteção de Maria, Mãe de Deus e da Igreja, e de São José, padroeiros e modelos de vida laical consagrada pelo reino de Deus. Venera como fundador, pai, mestre e intercessor São Luís Orione.
 
Pode fazer parte do Instituto secular Orionita toda católica que tenha reta intenção e possua as normais qualidades humanas e religiosas para assumir as obrigações da consagração e da missão de testemunhar no mundo o evangelho e a vida nova em Cristo. O Instituto acolhe também jovens com deficiência física, desejosas de testemunhar no mundo a confiança e o abandono na Divina Providência com a aceitação e a oferta alegre da própria invalidez.
 
Em resposta a sua particular vocação, as Orionitas seculares, já consagradas a Deus e inseridas no Corpo Místico por força do Batismoe da Crisma, fazem uma radical e definitiva oferta de si, vivendo nas situações ordinárias do mundo e valendo-se da profissão, das atividades, dos lugares e das circunstâncias correspondentes a própria secularidade. A secularidade consagrada comporta uma presença consciente e operosa no mundo e com os meios do mundo para ser nele um fermento para o rejuvenescimento e o crescimento do corpo místico. Este fermento será difundido pela Orionita, de modo particular, através da sua caridade imolada no agir, no sofrer e no orar.
                                            

Consagração

As Orionitas se tornam membros do Instituto mediante uma específica consagração a Deus, efetuada com a profissão dos três conselhos evangélicos de pobreza, castidade e obediência, e o quarto voto de “especial fidelidade ao papa”. O estado daqueles que professam os conselhos evangélicos no Instituto pertence á vida e á santidade da igreja que reconhece e promove a forma de vida como um dom para a sua missão.
 
As Orionitas comprometem-se a viver de maneira mais plena a consagração cristã, fundamentada sobre o batismo e a crisma, “seguindo Cristo que, virgem pobre, redimiu e santificou os homens com a sua obediência até a morte de cruz”.
 
Portanto, “primeira regra e vida seja de observar em grande humildade e amor dulcíssimo o santo evangelho”. Assim como o Cristo vive no seu corpo mísitco que é a Igreja, cujo centro visível de unidade é o papa, a Orionita vive de intensíssimo amor á Igreja e ao Papa, como expressão do único amor a Cristo.
 
As Orionitas procuram realizar em si mesmas aquela pertença a Deus que Jesus Cristo atuou na sua vida, e se dedicou a seguir os conselhos evangélicos, deixando-se plasmar pelo espírito das bem aventuranças e pela mística da caridade eclesial: “façamos generosamente da nossa vida todo um alegre holocausto de Cristã e apostólica caridade, uma hóstia pura e limpa de sacrifício aos pés do Papa e da Igreja.”
 
A consagração deve ser a ciente, livre e alegre resposta á vocação, insigne dom de Deus. Por meio dela participa mais intimamente ao dom total de Cristo ao pai, sempre em ato na Igreja e pela Igreja. Desta maneira,ela é maiormente introduzida na comunhão de vida com a santíssima Trindade. Inserida mais profundamente no Mistério Pascal, pode recolher copiosamente os frutos da graça batismal.       
Contato
 
 

"Fazer o bem sempre,

o bem a todos e o

mal nunca e a ninguém"

São Luís Orione

Mais do Orionitas no Brasil

 

Orionita Brasil nas Redes Sociais
 
 .     

Copyright © Orionitas Brasil na Web